Blog do Pr. Afrânio

O PASTOR "BOLA DE FOGO"

Crentes de Máscaras…

“Pois também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela.” ( Mateus 16:18)

Já está na hora de se levantar uma geração de valentes, dispostos a tudo pela causa de Jesus. Está na hora de se erguerem jovens como Daniel, como José, como Sadraque, Mesaque, Abdenego e como Gideão. Está na hora do povo de Deus deixar de ver a igreja como um hospital e perceber que a igreja que Jesus idealizou é uma igreja combativa contra os principados e potestades, no ar, na terra, na política, na sociedade e em diversos segmentos em que o único desejo é varrer o Evangelho para fora do mundo.

Temos visto uma igreja omissa, calada, sofrida, tolerante, transigente e até alheia às realidades desse mundo em que vivemos.

A igreja já esteve calada muito tempo. A igreja já esteve omissa muito tempo. A igreja já esteve alojada entre quatro paredes muito tempo. A igreja já esteve enferma muito tempo. A igreja já esteve perseguida muito tempo. A igreja já esteve sob a ordem do governo muito tempo. Porque enquanto estamos entre quatro paredes, tudo bem, mas quando começamos a sair das quatro paredes e fazer o Evangelho ser ouvido, quando começamos a pregar: “Assim diz o Senhor”, sobre assuntos referentes a homossexualismo, direitos humanos, pecado, verdade, aborto, opressão, direito de cada um, somos ameaçados a sofrer perseguição, a vermos a igreja sendo vistoriada, somos ameaçados a expor as contas bancárias. Somos ameaçados a sofrer retaliação do governo, a termos nossos direitos religiosos retirados, reexaminados, e até diminuídos.

Por causa disso, muitos líderes se espremem na cadeira; muitos líderes ficam acuados, amedrontados e não querem se expôr.

Muitas vezes esquecemos que o Evangelho sempre cresceu mais em meio à perseguição e à luta: quanto mais matavam cristãos nas arenas, nas fornalhas, nas covas de leões, mais cristãos se levantavam, mais pessoas criam em Jesus como o Messias.

Quanto mais os islamitas radicais covardemente matam cristãos na Indonésia, no Afeganistão, na Etiópia, mais vidas são salvas por Jesus.

Quanto mais perseguição na China, pela bondade e amor de Deus e o trabalho árduo de pastores clandestinos, mais chineses conhecem Jesus como Salvador e hoje, cerca de vinte mil chineses aceitam a Jesus como seu Salvador por dia.

Logo, a igreja na visão de Deus, é uma infantaria que tem uma sala de emergência para atender necessitados, para atender feridos, para socorrer pessoas emocionalmente abaladas, feridas, prejudicadas.

Eu estou cansado, enjoado, ‘fastiado’ de pessoas, de líderes que tratam a igreja como hospital e por isso não é de se admirar os testemunhos que ouvimos de certas ovelhas. Uma, certa vez, teve coragem e disse: ‘Antes de conhecer a igreja e o cristianismo eu era uma pessoa neurótica, agora eu sou uma cristã neurótica’.

É triste perceber que as pessoas vão a igreja para “pagarem” seus planos de saúde ou de barganha com Deus. É de causar tristeza ver certos líderes em nossos dias, despreparados, comprometidos, e amantes de si mesmos. É triste ver que anteriormente se criticava uma certa denominação por tirar dinheiro das pessoas e hoje faz-se a mesma coisa em forma de campanhas, de cultos a bezerros de ouro, tira-se até o que as pessoas não têm, prometem baús de felicidade, de prosperidade financeira, de cura, de bençãos, desde que a pessoa semeie, oferte, ‘dê dinheiro’, no popular.

Hoje as pessoas numa grande maioria superlotam igrejas, mas não para ouvirem sobre cair nas mãos do Deus que odeia o pecado, não para ouvirem sobre santidade, não para ouvirem a respeito de viver como sal e luz num mundo perdido, mas as pessoas enchem os templos para participarem de cultos de bençãos, de vitórias, de negociar com Deus, de obter as bençãos de Deus, desde que dinheiro esteja envolvido.

Em contra-partida vemos pessoas que se dizem cristãs comprometidas com tudo, com cigarro, e deprimidas. Vemos pessoas que se dizem cristãs, mas bebem e não estão nem aí.Vemos pessoas que se dizem cristãs, mas são abusivas, têm temperamento destemperado e difíceis de relacionamentos.

Certas pessoas, certos líderes despreparados, voltados somente para seus interesses, esquecem ou não sabem que o Deus Jeová, El Shaday é o Deus que destruiu as muralhas de Jericó e não tentou fazer negociações com o povo e o governo de lá para habitar num pedaço da terra entrando por um portão ao lado.

Nosso Deus é Jeová-Nissi (Senhor nossa bandeira); é também Jeová-Sabaoh ( Senhor dos Exércitos) e não um deus fraco, um deus moloque, nem um deus ateniano que precisa de oração e sacrifícios humanos para se fortalecer. Nosso Deus não é baal, ele se chama El Shaday (Deus mais que suficiente).

Está na hora de se levantar um povo destemido como foi o da igreja primitiva, como foram os da era dos imperadores, gente com sangue de Jesus nas veias. Gente lavada, batizada e enxaguada no Sangue do Cordeiro de Deus. Gente disposta e comprometida com Deus e não gente que fez da igreja um clube dominical. E se você lembrar; clube e salão de beleza têm as suas similaridades. Pessoas vão para fazerem fofoca, pessoas vão para tomarem seus cafezinhos, para tomarem seus refrigerantes, falar da vida dos outros e do presidente (pastor).

Pessoas há que dizem: ‘Eu dou meu dízimo aqui, então quero ver esse clube (igreja), como eu quero. O animador (pastor) é nosso empregado, então ele tem que dançar conforme a nossa música, e ele tem que cantar (pregar) como nós quisermos, senão, saimos desse clube e não voltamos mais e então, ele está ferrado’.

Isso me faz lembrar de uma igreja que servia cafezinho nos momentos de anúncios, não estamos muito longe disso em certas igrejas e denominações.

Onde estão os guerreiros que vão em nome de Jesus e com o poder do Evangelho invadir presídios e liberar, libertar das trevas para o reino de Deus, marginais, estupradores, assassinos, gente sem futuro e sem paz?

Onde estão aqueles que entenderam que o reino de Deus é tomado à força e não em transigência com o pecado com os “poderosos” desse mundo?

Onde estão os guerreiros de Deus que começam a guerra contra satanás nas madrugadas, ou nos montes orando ou no lugar secreto de oração?

Onde estão os soldados de Deus dispostos a tudo por uma só alma, na certeza de que ela vale mais do que o mundo inteiro?

Onde estão os guerreiros de Deus que com a Bíblia não só na mão, mas no coração são capazes de acalmarem a fúria de Satanás, de repreenderem demônios e curarem enfermos em nome de Jesus?

Onde estão os guerreiros de Deus que não dormem sem dizer: ‘Senhor, me ajuda, me usa para influenciar os vizinhos da direita e da esquerda para ti, ainda que eu tenha que ficar o dia todo cozinhando e convidá-los para um jantar como pretexto para falar de ti?’

Onde estão os guerreiros de Deus que em seus locais de trabalho são valentes de Deus e não agentes secretos?

Esses guerreiros não se formam num hospital, mas numa infantaria, numa igreja que seu líder entendeu que estamos nesse mundo para combater principados, poderes, potestades espirituais da maldade. Esses guerreiros se formam em igrejas onde seus pastores têm todo o coração desejoso de formar pessoas de caráter, de reproduzirem modelos de cristãos como Josué, como Calebe, como Débora, como Ester.

Eu desejo ver muitas igrejas onde seus líderes pensem assim, vivam assim, ajam assim, e lutem por ver reproduções de cristãos de verdade, com fibra, com sangue de Jesus nas veias, com um ardor enorme pelo Evangelho e expansão do Reino de Deus.

Que Deus, em nossos dias levante homens e mulheres assim para crescimento de Seu Reino aqui na terra e para a glória de Seu Santo nome.

Nos ternos laços feitos no Calvário;

Navegação de Post Único

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: