Blog do Pr. Afrânio

O PASTOR "BOLA DE FOGO"

Não vou me colocar na Defensiva…

  logo_desafio_radical-1Resposta branda desvia o furor, mas a palavra dura suscita a ira (Provérbios 15:1)

 Todos nós já passamos pela experiência de ver uma pessoa se colocar na defensiva quando algo lhe é dito. Colocar-se na defensiva é ouvir o que outro começa a falar e imediatamente, às vezes até mesmo antes que o outro termine de falar, se defender, negar, revidar, etc. Na verdade isto é um tipo de barreira mental onde as emoções negativas surgem com vigor. Uma pessoa com feridas na alma possui uma tendência maior de agir assim. Ao tentar se defender e dar explicações se coloca numa posição de inferioridade que é exatamente o que tenta evitar. Sua compreensão fica bloqueada, o raciocínio embota, encrua, as emoções são do tipo negativa e não se aprende nada. Pelo contrário, prejudica o relacionamento e impacta negativamente todo seu ser: espírito, alma e inclusive o próprio corpo com reações colaterais adversas provenientes da tensão vivida na conversa.

Um problema comum é quando aquele que fala, não percebe que o outro está reagindo automaticamente e continua criticando e assim, incentivando o outro à um desconforto mental, emocional e em algumas situações até mesmo espiritual. Iso pode ocorrer nas mais diversas situações, entre irmãos, marido e mulher, amigos e etc. Seria bom, que ambos prestassem atenção, conscientes, ou seja, analisando o que falam e fazem. O ideal é deixar a pessoa falar; deixe que perceba que pode falar que está sendo ouvida com atenção, e que não será cortada, bloqueada ou punida. Colha todas as informações, interprete-as e então decida se são úteis ou não. É importante ressaltar que você é livre de escolher e tem liberdade para isso.

Quando uma pessoa se coloca na defensiva pode ter reações mais agressivas como: ser reativa ou contra-atacar com outra crítica; em alguns casos pode ter reações mais passivas como: calar-se, ser indiferente, fingir que não está ouvindo. Em qualquer um destes casos estamos armando um tiroteio de emoções negativas e dificilmente colheremos algo de útil. Não precisamos parecer perfeitos diante dos outros; pois, sabemos que ninguém é perfeito. Reconhecer que temos limitações não é o fim do mundo, é o primeiro degrau para o crescimento. Porém, apenas assumir as limitações e não fazer nada a respeito delas não funciona. Isto pode nos levar à um poço de frustração, baixa-estima e depressão. Após reconhecermos nossas limitações precisamos entendê-las para superá-las e vivermos melhor. Podemos ser bem sucedidos apesar de muitas limitações, mas isto tem que ser uma questão resolvida dentro do nosso ser.

Deus nos criou com a capacidade de compensação mútua; ou seja, quando identificamos uma limitação numa pessoa devemos compensar esta limitação com nosso conhecimento, experiência e, principalmente, com o nosso amor. O que falta em mim é preenchido pelo outro e vice-versa. Jesus já nos ensinou isto quando disse que melhor é dar do que receber (Atos 20:35). Na verdade aqui está o cerne da missão de Jesus, completar em nós o que faltava para estarmos de novo juntos com Deus.

Vivemos numa sociedade que premia os melhores. É um mundo numa corrida louca e desenfreadamente seletiva. Mas Deus não nos criou para sermos melhores do que ninguém. Basta apenas sermos o melhor de nós mesmos. Não preciso ser melhor pai ou filho do que meu vizinho; preciso sim, ser o melhor pai ou filho que posso no meu ser. O princípio da fé não vem pelo falar, mas pelo ouvir e ouvir a Palavra de Deus. Precisamos aprender a ouvir, ainda que não concordemos de imediato. No muito falar não falta transgressão, mas o que modera os lábios é prudente (Provérbios 10:19). Quando alguém te criticar ou ferir com palavras, pare e pense. Palavras podem ferir ou curar. Decida como irá usá-las.

Ajude a Assembléia de Deus Shalom a Realizar Missões no Piauí

deposite qualquer quantia:

Banco: Caixa Econômica Federal

Agência: 0699

Op: 013

Conta Poupança00072844-0

                                                                                           * Pastor:Afrânio Medeiros

ASSEMBLÉIA DE DEUS SHALOM (PIRIPIRI – PI)

E-mail:pastor.afranio@yahoo.com.br

“O meu mandamento é este: que vos ameis uns aos outros, assim como eu vos amei” Jo 15.12

Navegação de Post Único

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: